segunda-feira, 13 de outubro de 2008

oh portugal portugal

Soubemos que começou o campeonato nacional aqui justamente e curiosamente no país. Ele o principal escalão chama-se pomposamente "Campeonato Nacional de Honra" e vimos os resultados da 2ª jornada:

Agronomia 46-5 Benfica

Belenenses 48-12 CDUP

Direito 63-6 Técnico

CDUL 85-0 Cascais


Isto somos só nós a achar que os resultados são toooodos muito desnivelados ou tooooodas as equipas ainda não em fase de estudo e ainda fora de forma ??? O que é isto 85 a zero ??? Ficamos a espera de comentários.

um forte abraço

11 comentários:

Anónimo disse...

Infelizmente, neste momento, parece que é mesmo assim: um campeonato a duas velocidades...

Rugby Portugal disse...

Entre 28 e 29 de Novembro acompanhem, no Rugby Portugal (rugbyportugal.com), a prestação portuguesa no Dubai Rugby Sevens 2008! Visitem o site para verem todos os detalhes sobre a prova.

ACTUALIZAÇÃO (9:45, sábado): Portugal vai jogar a final da Taça Bowl porque "limpou" o País de Gales por 24-00. Vamos lá Portugal! Vamos trazer o "Caneco" para casa!

Anónimo disse...

Mais um blogue de Rugby q esta morto???
Foi só a euforia do Mundial passar e volta tudo ao mesmo!!!

Que tristeza!!!!!!!

Rugby Portugal disse...

Entre 5 e 6 de Dezembro também podem acompanhar todos os detalhes da segunda prova do Circuito de Rugby de Sete da IRB, a decorrer em George, na África do Sul, no Rugby Portugal!

www.rugbyportugal.com

Acompanhem todos os jogos, via WebTV (LINK ACTUALIZADO - Sábado, 11:00).

http://pt.justin.tv/mordane2/popout


Jogos do 2º Dia

BOWL (4os de final)
(26-14) Jogo nº01 - FRA v GEO
(19-15) Jogo nº02 - KEN v SCO
(24-26) Jogo nº03 - ZIM v WAL
(33-21) Jogo nº04 - AUS v TUN

CUP (4os de final)
(36-07) Jogo nº05 - NZL v USA
(28-19) Jogo nº06 - ARG v Portugal
(19-12) Jogo nº07 - FID v SAM
(17-12) Jogo nº08 - SAF v ENG


Mais informações em...

www.rugbyportugal.com

Rugby Portugal disse...

O site Rugby Portugal (www.rugbyportugal.com) gostaria de desejar a todos os elementos da comunidade de rugby nacional, dos dirigentes aos atletas, passando por todos os técnicos e adeptos que a modalidade tem, um bom ano de 2009, repleto de bons momentos e passado junto daqueles que são mais importantes, os familiares e amigos, a quem estendemos estes votos.

Cumprimentos,

Bernardo Rosmaninho

PS: Gostaria de vos convidar a lerem o nosso rescaldo sobre a primeira parte da época, abordando a competição dos S16 aos Seniores, presente na página inicial do site, logo depois do artigo de notícias.

Anónimo disse...

(retirado do site da FPR)

RUGBY, UM JOGO PARA GENTE BEM-EDUCADA

Nós, gente do rugby, gostamos, mostrando o diferente que nos sentimos, de publicitar a definição do jogo no conceito "um jogo de rufias jogado por gente bem-educada" - já não por cavalheiros porque, como também sabemos, os homens não são únicos na modalidade.

E há toda uma profunda razão para o definirmos assim. Desde sempre o jogo de rugby tem uma ética própria subordinada a um conjunto de valores que se estabelecem no seu "Código do Jogo". De facto, existe toda uma maneira de estar que se pretende diferente e tradutora de uma cultura distinta em que o respeito, o "fair-play", o espírito colectivo de equipa, o companheirismo, a abnegação, a boa educação constituem algumas das componente de valores e atitudes que formatam a envolvente do jogo.

E assim sendo, é natural que possamos utilizar, com orgulho, a marca da diferença - um amigo meu, médico e frequentador internacional de estádios de futebol, viu, pela primeira vez, um jogo de rugby no França-All Blacks do centenário da FFR: não julgava possível, dizia, a confraternização permanente entre os espectadores adversários que o rodeavam. Espantado, tornou-se adepto.

Mas se pretendemos sê-lo, devemos, no mínimo, parecê-lo. E o que se passa à volta dos nossos campos em dia de jogo não pertence a este mundo edílico que pretendemos transmitir aos de fora. Espectadores, antigos jogadores na sua maioria, insultam árbitros e adversários, chamam nomes a quem bem querem e comportam-se como rufiotes numa constante demonstração arruaceira, deixando - para inglês ver - a proclamação da pretendida boa educação.

O jogo de rugby não é fácil de gerir. Os árbitros, como os jogadores, têm dificuldades na análise da sequência pela rapidez da acção e pelo número de intervenientes. Mas próximos e se pertencentes ao mesmo patamar, vêem melhor e analisam quase sempre melhor. E, na grande maioria dos casos, tomam a decisão correcta e são os espectadores que, ignorantes da Lei, protestam violentamente, impondo a emoção à razão, pressionando para que a sua cor, apesar de faltosa, deixe de ser "roubada!".

Nada deste comportamento se justifica ou ajuda o rugby português no seu desenvolvimento e progressão. Pelo contrário: desfocaliza jogadores, pressiona treinadores e árbitros de forma desadequada, retira lucidez aos intervenientes e transforma o jogo num espectáculo nada dignificante e que só diminui o campo de influência da modalidade.

Precisamos de melhorar todos os dias o rugby que se joga em Portugal. Para o que necessitamos de melhores treinadores, melhores jogadores, melhores árbitros, melhores dirigentes. Numa vontade que dispensa claramente os piores exemplos da Blood, Sweat and Beers de antanho.

E se, em vez deste comportamento trauliteiro e para começar o novo ano, fizéssemos um esforço para aprender as Leis do Jogo e a sua aplicação prática? Um esforço para que os treinadores fossem exigentes com os seus jogadores, educando-os de acordo com as Leis do Jogo; um esforço dos dirigentes para imporem o rigor das Leis do Jogo nas equipas dos seus clubes e decente comportamento aos seus adeptos; um esforço dos espectadores para que se comportassem como gente bem-educada. E se não há, como também sabemos, jogos sem árbitros e para um futuro com tudo a correr pelo melhor, porque não tentar uma parceria: criar o hábito de convidar os árbitros para se treinarem semanalmente com os diversos clubes.

Talvez assim pudéssemos fazer compreender a marca da nossa diferença: no Rugby, a vitória, sendo importante, não é o mais importante; o mais importante é poder pertencer a uma comunidade muito especial - a comunidade rugbística.

Lisboa, 1 de Janeiro de 2009

João Paulo Bessa

Rugby Portugal disse...

O Rugby Portugal vai cobrir a partida entre o XV do Presidente e o XV dos Estrangeiros (a jogar em Portugal) e irá colocar no site os resultados ao intervalo e logo depois do encontro terminar, recolhendo algumas palavras dos intervenientes no fim dos 80 minutos regulamentares.

Deste modo queríamos convidar todos os adeptos do rugby a acompanharem a partida e a lerem o rescaldo, no Rugby Portugal.

www.rugbyportugal.com

Rugby Portugal disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rugby Portugal disse...

Já está disponível desde as 23h de ontem, quarta-feira (na página das Selecções ou via os links directos na página inicial do site), de uma forma diferente da habitual, o artigo com os convocados da Selecção Nacional para o encontro com a Rússia.

Nas imagens (que devem carregar para verem no tamanho correcto!) encontrarão mais informações do que aquelas que são normalmente publicadas (daí que esteja a sugerir a sua consulta).

Também podem encontrar, via os links presentes na página inicial do site e no artigo com a convocatória portuguesa, a convocatória detalhada da Rússia e um rescaldo daquilo que foi a digressão (de duas semanas) que os russos fizeram na África do Sul, com algumas informações sobre os três testes que a selecção de leste realizou no país dos Springboks.

As fotografias existentes podem ser acedidas via o link presente nos locais supra citados.

Bernardo Rosmaninho

Rugby Portugal disse...

Ao Autor(es) e Visitantes do Os Lobos Maus Comás Cobras,

Venho por este meio solicitar a vossa ajuda no sentido de divulgarem o Rugby Portugal no vosso blogue/website, inserindo-o (correctamente) na vossa lista de links e informando aqueles que possam estar interessados na modalidade da existência do mesmo.

Faço este pedido motivado pelo facto de apenas ser um indivíduo a trabalhar num espaço que tem, com algum sucesso e graças à ajuda de tantas pessoas, congregado e publicado mais informação sobre todos os intervenientes do rugby nacional (clubes, árbitros, jogadores, técnicos, selecções, etc...) do que alguma vez foi feito na história da modalidade no nosso país.

Creio que sem a ajuda daqueles que gostam do rugby português não consigo fazer do Rugby Portugal (que não é o meu espaço mas sim o espaço de todos aqueles que contribuem para ele - tento ser o mais impessoal e imparcial possível quando trabalho nele creditando todo o material que não é meu e que nele aparece) algo conhecido do grande público, divulgando o mais possível a modalidade, afinal de contas, o principal objectivo de todo este projecto.

Nome: Rugby Portugal

Nome (alternativo): RugbyPortugal.com

Nota: Esta alternativa surge por forma a respeitar o espaço do Bryan Freitas (http://lobosportugalrugby.blogspot.com/), que já existia antes deste e que apesar do endereço diferente, possui o mesmo nome.

Endereço: http://www.rugbyportugal.com/

Conto que a vossa acção, mais do que uma resposta, seja ajuda suficiente. Caso possuam sugestões, críticas, informações e/ou outros elementos pertinentes podem contactar-me via e-mail ou telemóvel. Obrigado por tudo.

Bernardo Rosmaninho


PS: Caso o vosso espaço e/ou o vosso clube ou equipa não figurem da nossa lista de Links ou Clubes por favor informem-me.

PS2: O mesmo se aplica para qualquer informação sobre o vosso clube que não conste ou esteja incorrecta na respectiva página no Rugby Portugal (ver Informação sobre Clubes na página principal do RugbyPortugal.com).

Rugby Portugal disse...

Serve esta mensagem para informar que o artigo contendo todas as informações (fotografias, calendário e resultados, fichas de jogo, melhores marcadores de pontos e ensaios, convocatória portuguesa detalhada) sobre o Campeonato Europeu de Sub-21, uma competição que vai decorrer na cidade universitária da capital espanhola entre os dias 03 e 09 de Maio, pode ser consultado na página principal do RugbyPortugal.com ou página das Selecções deste espaço.